<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=344581662787026&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
logo_unicesumar_horizontal_original
INSCREVA-SE NO VESTIBULAR

•   Início



Quando o assunto é faculdade tecnológica, parece que um nuvem de dúvidas faça parte dos pensamentos de muitos estudantes. Afinal, o que realmente é esse curso? É considerado de nível superior? O diploma de tecnólogo vale para concursos públicos? Será que é parecido com as modalidades bacharelado ou licenciatura?

Não tem jeito: por se tratar de uma modalidade de ensino mais nova que os cursos tradicionais, é comum ter todas essas perguntas em relação a um curso de graduação tecnológica. Então, se você já se questionou sobre alguma coisa desse tipo, boas notícias: inspira, expira e não pira, porque chegou o momento de saber todas as respostas para tantos questionamentos.

Fique de olho nas informações deste post e boa leitura!

O que é um curso tecnólogo?

Nada melhor que começar entendendo exatamente o que é uma graduação tecnológica, não é mesmo? Também conhecida como "curso tecnólogo", essa é uma formação com características um pouco diferentes da licenciatura e do bacharelado.

Quer saber qual é a primeira diferença? O tempo que você vai passar na faculdade! É isso mesmo: os tecnólogos são cursos mais curtos, com média de três anos de duração. Isso acontece porque a grade curricular dessa modalidade tem menos matérias teóricas.

Assim, diferentemente de um bacharelado, que conta com matérias mais amplas, o tecnólogo já tem disciplinas bem objetivas e mais específicas para aquele segmento da profissão.

Além de ser mais compacto, o que é ótimo para quem procura uma graduação mais rápida, o curso tecnólogo também é mais específico na área de atuação e tem muitas atividades práticas. Ou seja: a ideia é aprender ao máximo, no menor tempo possível e colocar a mão na massa já na faculdade, focando em desenvolver as habilidades e ter os conhecimentos exigidos pelo mercado de trabalho.

No entanto, ao contrário do que muitas pessoas pensam, essas diferenças não fazem com que o curso tecnólogo seja inferior a um tradicional. Na verdade, ele também é uma graduação e, ao se formar, quem fez uma faculdade tecnológica também recebe um diploma em sua área de formação, ok? Por isso, é possível começar a trabalhar assim que concluir o curso!

Por falar em área de atuação, a graduação tecnológica é dividida pelo Ministério da Educação (MEC) em 13 categorias diferentes, que também são chamadas de "eixos tecnológicos" e representam as áreas do conhecimento que são disponíveis nessa modalidade. Olhe só quais são algumas delas:

  • Turismo, hospitalidade e lazer;
  • Produção Alimentícia;
  • Segurança;
  • Produção Industrial;
  • Informação e Comunicação;
  • Produção Cultural e Design;
  • Ambiente e Saúde;
  • Gestão e negócios.

E quer saber mais? Como os cursos tecnólogos são pensados de forma que possam suprir as necessidades do mercado de trabalho e formam profissionais altamente qualificados, com experiência prática na profissão, a taxa de empregabilidade é alta

O diploma de tecnólogo é válido para concursos públicos?

Eis uma das dúvidas mais comuns de quem fez ou pensa em fazer um curso tecnólogo. Se isso está tirando o seu sono, pode voltar a dormir tranquilamente. Apesar da confusão que existe entre as diversas formações que existem, como os cursos sequenciais, cursos técnicos e cursos tecnólogos, eles são totalmente diferentes e cada um deles tem suas possibilidades após a formação.

Antes de tudo, é preciso saber que todas essas modalidades são reconhecidas pelo MEC. Porém, os cursos técnicos são formações de nível médio e que oferecem o conhecimento de uma área específica dentro de uma profissão. Os cursos sequenciais, por outro lado, são considerados como parte dos cursos de nível superior. Porém, por serem muito específicos em alguns campos do saber, não são graduações.

Como você já sabe, o tecnólogo é um tipo de graduação e é de nível superior. Por isso, assim como no caso de uma licenciatura ou um bacharelado, que são os cursos superiores tradicionais, é preciso ter concluído o Ensino Médio para ingressar nesse tipo de faculdade.

Além disso, o diploma de tecnólogo permite a atuação em diversos setores do mercado de trabalho, além de ser válido tanto para concursos públicos, quanto para disputar vagas em empresas que busquem candidatos que tenham essa formação.

Só tem um detalhe: caso a exigência seja por curso superior com duração mínima de 4 anos, o tecnólogo não é válido pelo fato de ser mais curto. Nesse caso, é preciso ter feito um bacharelado ou uma licenciatura, certo? Mas em todos os outros casos, sem problemas: o tecnólogo é aceito. Portanto, fique sempre de olho no edital!

O diploma de tecnólogo também serve para começar uma pós-graduação?

Se o seu sonho é fazer uma especialização ou até mesmo uma pós-graduação stricto sensu, que compreende o mestrado e o doutorado, pode comemorar! O diploma de um curso tecnológico também permite que você dê continuidade aos seus estudos, podendo se especializar na sua área favorita dentro da profissão e aumentando suas chances de construir uma carreira promissora.

A formação em um curso tecnólogo vale para todo o Brasil?

E, mais uma vez, a resposta é sim! Da mesma forma que os cursos tradicionais, os tecnólogos são reconhecidos em todo o território nacional. Assim, seja para dar seguimento aos estudos ou para prestar um concurso público, seu diploma vai servir em qualquer lugar do Brasil, mesmo que não seja no mesmo estado em que você se formou.

Um detalhe importante: sabe todas aquelas atividades que costumam fazer parte das graduações tradicionais e que ajudam a ter uma formação mais completa, como os estágios, o trabalho de conclusão de curso e até mesmo as horas complementares? Elas também fazem estão presentes na formação de quem opta pelo curso tecnólogo. Ou seja: nada de prejuízos no seu aprendizado!

Agora que você já sabe como funciona um curso de tecnologia e sabe que o diploma de tecnólogo é válido para participar de concursos públicos, tudo que você precisa fazer é escolher uma faculdade que ofereça ensino de qualidade e o suporte que você precisa para ter muito sucesso em sua carreira.

Quer uma dica? Entre em contato com a Uni e saiba tudo sobre nossos cursos tecnológicos!

COMPARTILHE:
POSTS RELACIONADOS
    New call-to-action
    New call-to-action
    planejamento financeiro

    Nova call to action

    Nova call to action

    Nova call to action

    Nova call to action

    Teste de Orientação Profissional - Foca na Carreira

    New call-to-action

    [E-BOOK] Como escolher uma profissão? DOWNLOAD GRÁTIS

    Nova call to action