<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=344581662787026&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
logo_unicesumar_horizontal_original
INSCREVA-SE NO VESTIBULAR

•   Início Biomedicina / Estética e Cosmética / Biológicas



Você gosta de tudo que tem a ver com cuidados pessoais? Adora acompanhar vídeos no YouTube daquela blogueira que mostra as últimas tendências em beleza? Sempre gasta a maior parte do seu dinheiro em farmácias e lojas de cosméticos? Quer ajudar as pessoas? Então, seguir uma carreira na área de Estética e Cosmética pode ser a escolha certa para você!

Existem várias possibilidades de atuação nessa área — algumas talvez você já conheça, enquanto outras ainda estão ganhando espaço no mercado.

Quer mais boas notícias? Dados recentes mostram que o mercado de estética está em expansão, globalmente e no Brasil. Dados da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) apontam para um crescimento de 1,5% a 2% no setor entre 2018 e 2019. Isso significa que ela é uma das profissões que estão em alta.

Nesse post, vamos apresentar algumas das possibilidades de atuação em Estética e Cosmética, e explicar os detalhes sobre esse curso. Confira!

O que é o curso de Estética e Cosmética

Estética e Cosmética é um curso que forma tecnólogos (cuidado: não é um curso técnico, mas um curso superior tecnológico!). Ele prepara profissionais para desenvolver terapias e procedimentos de estética capilar, facial e corporal, assim como aqueles voltados à saúde e bem-estar do cliente.

Uma característica importante do curso é que ele reúne teoria e prática. O aluno precisa aprender como funciona o corpo humano e quais são as formas de tratá-lo — por isso, ele terá matérias como Anatomia e Fisiologia Humanas.

Porém, ele também deve aprender a executar as terapias e procedimento, o que acontece nos laboratórios da faculdade, colocando a mão na massa. Isso é essencial para garantir um espaço no mercado de trabalho.

Além disso, outro aspecto indispensável no curso é a preparação do profissional para diagnosticar as necessidades do cliente e, assim, indicar a técnica, terapia ou procedimento mais adequado para cada caso.

No entanto, o curso de Estética e Cosmética vai mais além e oferece matérias para ajudar o profissional a construir sua carreira. Para isso, ele aprende aspectos básicos de empreendedorismo, gestão e marketing.

Possibilidades de atuação em Estética e Cosmética

Já gostou do que se aprende no curso? Isso é porque você ainda não viu as oportunidades de atuação que ele proporciona! Mas não se preocupe, nós contamos tudo logo abaixo!

1. Serviços de estética

O tecnólogo em Estética e Cosmética pode empreender ou trabalhar em clínicas de estética, SPAs, academias, clubes, hotéis e salões de beleza. Muitos profissionais da área também optam por não ter vínculo com algum estabelecimento, tornando-se Microempreendedores Individuais (MEI) — uma categoria que permite a formalização do profissional autônomo.

Alguns exemplos de técnicas que o profissional pode desenvolver são para:

  • melhorar a condição da pele do rosto e do corpo, minimizando acnes e cravos, despigmentação e hiperpigmentação, flacidez, celulite e outros aspectos estéticos;
  • ajudar a recuperação de pacientes que estão em pós e pré-operatório, como massagens e drenagens linfáticas;
  • apoiar e acelerar o processo de emagrecimento;
  • resolver problemas capilares, como queda e enfraquecimento dos fios;
  • promover equilíbrio, harmonia e controlar a ansiedade.

A variedade realmente impressiona. Até maquiagem os esteticistas podem fazer! Vale lembrar que algumas pessoas pagam realmente caro por esse tipo de serviço, ou seja, é uma carreira com uma boa perspectiva de ganhos.

2. Prestação de consultoria

Se preferir, o tecnólogo em Estética e Cosmética não precisa trabalhar com a execução de terapias e procedimentos. Em vez disso, pode usar seu conhecimento como especialista para atuar como consultor, prestando apoio a outros profissionais do setor.

Nesse caso, sua missão é ajudar os empreendedores do ramo a tomarem decisões importantes, em busca de alcançar o sucesso com seu negócio. Por exemplo, o proprietário de um SPA pode procurar uma consultoria de Estética e Cosmética para ajudá-lo a definir quais serviços ele deve oferecer em seu estabelecimento.

3. Exploração de novas técnicas e ferramentas

Também vale a pena mencionar que, como as inovações ocorrem rapidamente no segmento de Estética e Cosmética, quem fica atento às novidades tem uma importante vantagem. Quer um exemplo? Há aluns anos, depilação a laser e criolipólise nem existiam, enquanto hoje são procedimentos bastante comuns. Os profissionais que aprenderam essas técnicas logo no começo tiveram a chance de explorar atividades sem competição.

É por isso que, mesmo depois do curso, você precisa continuar estudando e se atualizando. Assim, vai identificar oportunidades de atuação que os outros ainda nem perceberam e terá mais sucesso profissional!

Diferença entre Estética e Cosmética e Dermatologia

Existe um ponto que causa bastante confusão em quem deseja fazer o curso de Estética e Cosmética. Ele é a mesma coisa que uma formação em Dermatologia? A resposta é: não!

O dermatólogo é um profissional que fez faculdade de Medicina e se especializou no tratamento de condições relacionada à pele. Quando um paciente sofre de algum problema mais severo, o dermatologista é o único que pode diagnosticar e tratar, inclusive prescrevendo medicamentos.

Não se esqueça de quem nem todas as condições de pele são apenas questão de beleza. Em alguns casos, tratam-se de doenças que podem até colocar em risco a vida da pessoa, exigindo a atenção de um médico.

O Esteticista e Cosmetólogo, aquele formado no curso de Estética e Cosmética, não é indicado para cuidar desses casos, pois esse não é o foco de sua formação. Aliás, a Lei 13.643/2018, que regulamenta a profissão, determina que o profissional siga as prescrições médicas ou solicite que o cliente consulte um médico, quando necessário.

Em outras palavras, um esteticista não pode simplesmente contrariar o que foi determinado pelo dermatologista. Pelo contrário: ele precisa alinhar suas recomendações de terapias e procedimentos aos diagnósticos e tratamentos que o médico realiza.

Na verdade, é por isso que muitas clínicas, SPAs e outros estabelecimentos que cuidam da beleza de seus clientes têm na equipe os dois profissionais, o dermatologista e o esteticista, trabalhando de forma complementar.

Além disso, a lei também exige que o profissional siga normas de biossegurança e sanitárias e trabalhe com ética, zelando pela segurança dos seus clientes.

Você gostou do curso de Estética e Cosmética e das possibilidades de atuação que ele apresenta? Quer investir em uma carreira nessa área? Então, o próximo passo é escolher a faculdade certa para estudar. Uma boa instituição deve ter uma grade curricular completa e abrangente, um corpo docente qualificado e experiente, além de infraestrutura para que os alunos possam aprender e praticar.

É isso que a UniCesumar oferece! Então, que tal aproveitar e entrar em contato para tirar todas as suas dúvidas sobre o curso de Estética e Cosmética da Uni? Fale conosco!

COMPARTILHE:
POSTS RELACIONADOS
    New call-to-action
    New call-to-action
    planejamento financeiro

    Nova call to action

    Nova call to action

    Nova call to action

    Nova call to action

    Teste de Orientação Profissional - Foca na Carreira

    New call-to-action

    [E-BOOK] Como escolher uma profissão? DOWNLOAD GRÁTIS

    Nova call to action