<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=344581662787026&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
logo-topo-blog-1
INSCREVA-SE NO VESTIBULAR

•   Início Humanas



 Tags: Humanas

Muita gente que se interessa por estudar moda acredita que a vida vai ser puro glamour: ver desfiles internacionais, acompanhar estilistas renomados, estar no meio de diversas celebridades e modelos… Opa! Calma aí: o curso de Design de Moda permite uma vivência muito abrangente, sim, mas que nem sempre é tão glamourosa quanto parece.

A verdade é que a moda é um business como outro qualquer e, para seguir em frente, precisa de gestores, pessoas criativas, jornalistas especializados, especialistas em marketing, muita pesquisa e visão de futuro. Os bastidores por trás dos desfiles é muito mais amplo, o que permite àqueles que se interessam pela área trabalhar em vários setores.

Se você tem curiosidade ou interesse por esse universo, está no texto certo! Nós vamos mostrar a você o que é preciso para seguir na carreira e se destacar. E antes que alguém fale que é uma profissão sem futuro, lembre-se de que, em 2018, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria Têxtil (Abit), negócios de moda foram os maiores empregadores da indústria de transformação, perdendo apenas para a de alimentos e bebidas (juntos)!

Então vamos lá!

Estudar moda: como é o curso exatamente? 

O curso de Design de Moda na UniCesumar é presencial e possibilita que os estudantes trabalhem nas diversas áreas dessa indústria tão gigante e variada. A graduação oferece uma forte pluralidade de disciplinas e atividades práticas, que são feitas em oficinas e laboratórios, fato essencial para garantir a técnica necessária ao profissional. Até porque quem quer se dar bem no mercado deve saber sobre cada área, da costura à gestão.

Ao estudar Design de Moda, o estudante pode desenvolver habilidades práticas relacionadas à parte criativa, com técnicas de desenho, modelagem e costura. Isso sem falar no desenvolvimento de peças de vestuário, acessórios, estamparia tanto manual quanto digital, produção de moda, fotografia, entre outros.

Além da rotina prática e criativa, o curso também ajuda os estudantes a serem bons gestores na indústria da moda, terem visão empreendedora e a produzirem conteúdo certo para mídias digitais de suas marcas. Os alunos ainda vão entender sobre processos têxteis, arte e design.

Quais são as matérias dessa graduação?

Na UniCesumar, o curso de Design de Moda é dividido em módulos, sendo que cada um deles tem três disciplinas. As provas acontecem ao fim de cada uma delas. São algumas:

  • História Da Arte e Do Design;
  • Processo Criativo;
  • Teoria e Fundamentos Do Design;
  • Desenho da Figura Humana;
  • Modelagem Tridimensional;
  • Design do Produto;
  • Gestão de Eventos;
  • Desenho Digital Básico;
  • Tecnologia da Confecção.

Uma vez que se trata de uma graduação de tecnólogo, a duração é de dois anos. Apesar de mais curta, o diploma tem o mesmo valor de uma faculdade com quatro ou mais anos. Esse tipo de formação permite que você chegue o quanto antes ao mercado de trabalho.

Quais são as possibilidades de emprego?

Como dissemos logo no começo do texto, é uma área abrangente e que dá boas chances para as pessoas com as mais variadas características. Conheça as principais possibilidades:

  • gerente de produto: envolve fazer um plano de negócio e entender o ciclo dos produtos, buscando novas tendências e diferenciais;
  • profissional de marketing de moda: agregar valor a cada produto é uma ciência própria que esse especialista faz com maestria;
  • designer de peças: pode ser de roupas, acessórios ou sapatos. É preciso ter domínio de ferramentas de tecnologia e boa noção de materiais;
  • designer de estampas: algumas marcas são famosas por sua estamparia característica, obra desse profissional;
  • produtor de moda: cria campanhas, ajuda em ensaios fotográficos, editoriais de revista, desfiles etc.;
  • editor de moda: a pessoa que produz e orienta conteúdos sobre o assunto. Por exemplo, a Miranda Priestly do filme O Diabo Veste Prada;
  • gestor de moda: a pessoa por trás do negócio, que olha faturamentos e pensa no potencial da marca;
  • figurinista: pode trabalhar em campanhas ou programas de televisão, como novelas e minisséries, além de ter espaço no teatro e nos filmes.

Que habilidades o profissional precisa ter para mandar bem?

Para se dar bem nessa profissão, não basta gostar de se vestir de acordo com tendências e acompanhar os desfiles. A indústria da moda pede muito trabalho e olhar voltado para as tendências e para o futuro. Nós falamos mais sobre as habilidades necessárias a seguir.

Esbanjar criatividade

Principalmente para quem trabalha com design de peças ou estampas, figurinos, estilismo e gerência de produto, a criatividade é fundamental para inovar e trazer diferenciais para sua empresa ou marca.

Saiba que a criatividade não é algo que nasce ou não com você. É possível trabalhar essa capacidade fazendo muita pesquisa, olhando tendências, conhecendo os gostos do público etc.

Ser curioso

Foi-se o tempo em que os brasileiros só usavam as tendências do exterior, mas, ainda assim, é preciso olhar para todo o mundo e entender os gostos e as peculiaridades das pessoas para trazer novidades à moda. Conhecer novas culturas e lugares também é uma forma de inovar nessa profissão.

Ter jeito com pessoas

Dificilmente alguém do mundo da moda vai trabalhar sozinho, com um total de zero interferência. São sempre equipes cuidando das diferentes etapas e processos. Por isso, aceitar opiniões e saber falar quando necessário é fundamental.

Além disso, quem trabalha como moda tem o público como cliente final, sendo preciso conversar e entender seus gostos e anseios para seguir produzindo de forma a encantar os consumidores.

Contar com versatilidade

A moda é uma área que pede muito jogo de cintura. Imprevistos acontecem o tempo todo, seja na indústria, quando faltam tecidos, seja em desfiles, quando há pouco tempo para acertar a roupa no corpo dos modelos. Por isso, é preciso ser uma pessoa versátil que traz soluções rápidas para os problemas mais inusitados.

Como escolher o melhor curso de Moda?

Primeiro, deve-se olhar para a avaliação do MEC. Além disso, garanta que os professores são referências na área, com especialização, mestrado ou doutorado. Para estudar moda, as aulas devem mesclar teoria e prática e trazer uma noção real de como está o mercado de trabalho.

Você também pode conversar com alunos e ex-alunos do curso escolhido, pedir para visitar as salas de aula e entender mais sobre laboratórios, biblioteca, entre outros. Assim, sua escolha é baseada em informações!

Estudar moda é algo abrangente e que permite a você entender a riqueza e diversos detalhes dessa indústria que movimenta milhões. As possibilidades de trabalho são variadíssimas, fazendo que a moda traga opções para aqueles com criatividade poderosa, facilidade em gestão e com visão de futuro. Pesquisar sempre e manter-se atualizado é básico para seguir evoluindo na carreira.

Gostou de ver como estudar moda é uma opção rica em escolhas? Entre em contato conosco para saber mais sobre o curso!

COMPARTILHE:
POSTS RELACIONADOS

    CTA do eBook Manual para mandar muito bem no ENEM

    Call to action | eBook |  Saiba que curso na área de Humanas deve ser a sua escolha de graduação

    Um cabeçalho claro e arrojado

    Nova call to action

    Um cabeçalho claro e arrojado

    Nova call to action

    Um cabeçalho claro e arrojado

    Nova call to action

    Um cabeçalho claro e arrojado

    Teste de Orientação Profissional - Foca na Carreira

    Guia-do-profissional-de-agronomia

    [E-BOOK] Como escolher uma profissão? DOWNLOAD GRÁTIS

    Nova call to action