<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=344581662787026&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
logo-topo-blog-1
INSCREVA-SE NO VESTIBULAR

•   Início Medicina



 Tags: Medicina

Seja porque fez uma maratona de Grey's Anatomy ou pela vontade de ajudar pessoas, todo estudante que quer se tornar médico sempre fica com aquela curiosidade para saber como é grade curricular de Medicina, não é mesmo? Mais do que isso: a vontade de entender como é esse curso parece cada vez maior!

Você faz parte do time que não vê a hora de passar no vestibular e começar a dar os primeiros passos nessa profissão? Ainda vive se perguntando como são as aulas, o que é estudado na graduação e passa horas só imaginando como é a faculdade de Medicina? Então, pode comemorar: é isso que a gente vai contar para você hoje!

O perfil de um estudante de Medicina

Fala sério: quem nunca olhou para um colega e tentou adivinhar a profissão que ele poderia seguir? Bom, a verdade é que realmente existem algumas características essenciais para quem pensa em seguir carreira em algum ramo específico. Então, se você está pensando em escolher o curso de Medicina, é válido conhecer o perfil do estudante dessa área!

A primeira coisa importante é entender que médicos trabalham com vidas. Pode ser que seja justamente isso que desperta em você o desejo de se tornar um profissional de saúde. Porém, é válido lembrar que a dedicação é fundamental para se dar bem ao longo dos anos na universidade e no mercado de trabalho.

Por isso, lembre-se sempre de que você não está escolhendo cursar Medicina somente pelo diploma ou para usar um jaleco branco, certo? O principal objetivo dos médicos é levar a saúde às pessoas, independentemente se a atuação for em uma clínica particular, em hospitais públicos ou como pesquisadores acadêmicos.

Além disso, é preciso ter em mente que um futuro médico deve se manter sempre atualizado. Afinal, é preciso estudar sempre para poder oferecer o melhor atendimento aos pacientes.

Portanto, aproveite a graduação para aprender tudo que for possível e, depois que estiver com o tão sonhado diploma em mãos, vale muito a pena continuar estudando — seja por meio de especializações, workshops ou cursos livres.

A grade curricular do curso de Medicina

Preparado para conhecer o fantástico mundo da Medicina? Vamos lá, pois a hora é agora! Para início de conversa, já temos uma notícia que vai fazer seus olhos brilharem, principalmente se você for do tipo que ama colocar a mão na massa: esse curso reúne uma matriz curricular repleta de aulas práticas ao longo de toda a formação.

Isso significa que, apesar de estudar bastante para dominar a teoria, entender os agentes que causam as doenças e as maneiras de fazer com que o corpo funcione de forma saudável, você também vai passar boa parte do seu tempo nos laboratórios da universidade. Nesses locais, vai ver como as coisas realmente acontecem.

Se você amava as aulas de Biologia na escola e nem via o tempo passar durante as explicações de Química, pode comemorar! Acontece que a base da Medicina, assim como outros cursos da área de saúde, está nessas duas disciplinas.

Por conta disso, você vai deparar com alguns daqueles conceitos que aprendeu no Ensino Médio, só que de um jeito muito mais específico e voltado para a atuação médica, já que estarão aplicados às disciplinas da grade curricular de Medicina.

Deu vontade de aprender mais sobre as matérias que são ensinadas na faculdade? Digamos que nós já esperávamos que isso iria acontecer em algum momento... pensando nisso, trouxemos um spoiler de alguns dos assuntos que são ensinados em cada um dos dos seis anos de estudos.

Matérias de cada período da faculdade de Medicina

No primeiro período do curso de Medicina, você vai ter contato com matérias de base, aquelas que são mais abrangentes, sabe? E pode acreditar: muitas delas serão muito importantes para o seu bom desempenho acadêmico nos próximos períodos! 

Dê uma olhadinha em alguns dos conhecimentos que já são ensinados logo no começo da vida universitária:

  • Funções Biológicas;
  • Metodologia de Pesquisa;
  • Interação Comunitária;
  • Metabolismo;
  • Fundamentos Morfológicos do Organismo Humano;
  • Formação Sociocultural e Ética.

Ao entrar no segundo ano de graduação, você vai perceber que a grade curricular se torna mais focada naquilo que todo mundo que já sonhou em ser médico sempre quis aprender. Nesse momento, as atividades em laboratório começam a ser mais frequentes, além do contato direto com situações comuns na Medicina.

Algumas das matérias são:

  • Locomoção e Preensão;
  • Bases Patológicas;
  • Proliferação Celular;
  • Nascimento e Desenvolvimento;
  • Bases Farmacológicas;
  • Processo de Envelhecimento.

Eis que chega a metade do curso de Medicina: o terceiro período, no qual o aprendizado se torna mais específico para algumas áreas de atuação na carreira médica. É hora de entender o funcionamento de dores, doenças e, além disso, já começa a produção do Trabalho de Conclusão de Curso, o famoso TCC!

Se liga em alguns assuntos que vão fazer parte da sua rotina de estudos:

  • Genética Médica;
  • Dor Abdominal;
  • Atenção à Mulher e à Criança;
  • Problemas Mentais e do Comportamento;
  • Fadiga, Perda de Peso e Anemias.

Já no quarto ano, o foco nas doenças existentes se torna ainda mais intenso. É a fase de desenvolver novas habilidades e aprender até mesmo a lidar com situações de emergências — afinal, é preciso saber o que fazer para salvar uma vida até nos momentos de tensão!

Nessa etapa, que também serve para finalizar o TCC, as principais disciplinas são:

  • Saúde Baseada em Evidências;
  • Emergências Clínicas;
  • Desordens Nutricionais e Metabólicas;
  • Manifestações Externas das Doenças e Latrogenias;
  • Saúde da Mulher;
  • Sexualidade Humana e Planejamento Familiar.

Os dois últimos períodos de Medicina são aqueles em que todo o conhecimento é colocado à prova: sim, é a hora de fazer os estágios obrigatórios, que são divididos em categorias classificadas de acordo com os conhecimentos que serão aplicados. 

Aliás, vale lembrar que eles são essenciais para a sua formação e, também, para o bom desenvolvimento da sua carreira. Quer saber quais são alguns desses estágios? Confira logo abaixo:

  • Estágio em Medicina de Saúde da Família e Comunidade;
  • Estágio em Clínica Médica;
  • Estágio em Saúde da Mulher;
  • Estágio em Urgência e Emergência;
  • Estágio em Clínica Cirúrgica;
  • Estágio em Saúde Mental.

Depois de entender como funciona a faculdade de Medicina, pode confessar, você ficou com ainda mais vontade de ser um médico de sucesso, não é? Então, que tal entender um pouco mais sobre a rotina de um estudante de Medicina e o mercado de trabalho para esses profissionais?

Pode acreditar: você vai se surpreender ao descobrir ainda mais detalhes incríveis sobre essa profissão!

COMPARTILHE:
POSTS RELACIONADOS

    Teste de Orientação Profissional - Foca na Carreira

    Guia-do-profissional-de-agronomia

    [E-BOOK] Como escolher uma profissão? DOWNLOAD GRÁTIS

    Nova call to action