<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=344581662787026&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
logo-topo-blog-1
INSCREVA-SE NO VESTIBULAR

•   Início Dicas de Carreira



Escolher uma segunda graduação traz duas novas possibilidades: ter um curso complementar ao que você já fez ou mudar totalmente de rumo. Lembra quando a Rachel passou de garçonete a assistente de compras de uma famosa rede de lojas dos Estados Unidos, em Friends? É mais ou menos esse o caminho!

Assim, quem hoje está se formando em História pode tentar (e passar!) no próximo vestibular para Medicina, da mesma forma que é possível alguém que está no segundo ano de Jornalismo investir na formação em Letras, paralelamente.

O que vale é fazer escolhas que tragam felicidade e uma carreira profissional de sucesso. Se você já sabe que o melhor para os seus planos é apostar em um novo diploma, confira agora as dicas que preparamos para completar essa missão por meio da escolha certa! Vamos lá?

1. Considere o tempo de duração

Antes de embarcar nessa aventura, é bom ter consciência de que a ampliação do leque de possibilidades profissionais é proporcional ao tempo de duração até que esse novo diploma esteja em suas mãos.

Se você vai encarar essa jornada em paralelo a primeira graduação, ótimo! Significa que não vai demorar muito para se formar. Mas, se você já tem um curso superior completo... melhor ainda! Certamente você está mais maduro e vai levar esses próximos anos de maneira mais leve (e com sabedoria). Arriscamos o palpite que talvez você aproveite ainda mais o aprendizado!

Lembre-se de que o investimento em tempo, dedicação e a parte financeira devem ser planejados. Pense nisso antes de escolher o curso!

2. Reflita sobre o mercado de trabalho

Dando sequência aos trabalhos, nossa #superdica para você dar um show na vida profissional, refletir sobre o mercado de trabalho é uma tarefa básica para aqueles que desejam investir em uma segunda carreira. Afinal, esse investimento deve valer a pena, concorda?

Aqui, temos dois conselhos diferentes. O primeiro, é para aqueles que desejam trocar de área. O segundo, para quem vai fazer uma graduação paralela a escolha atual.

Quem deseja trocar de área

Pense nas questões que o levaram a escolher o primeiro curso:

  1. Por que fiz essa escolha de curso?
  2. Na época, já atuava na área?
  3. Quais as perspectivas do mercado para a área atual?
  4. Quais os recursos financeiros, emocionais e de tempo que disponho para o investimento na busca de outra área?

Ao optar por iniciar uma nova carreira, totalmente oposta a escolha anterior, o mesmo processo de reflexão deve acontecer.

Quem busca por uma formação paralela

Existem vários cursos de graduação que combinam muito bem entre si e possibilitam que você saia da faculdade arrasando com o currículo. Veja alguns exemplos:

  1. Estética e Fisioterapia;
  2. Psicologia e Pedagogia;
  3. Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais.

Duas carreiras que se complementam é uma ótima estratégia para se traçar um caminho promissor, principalmente se você tem pressa. Como as especializações só podem acontecer após a conclusão de uma graduação, essa é uma ótima maneira de se qualificar e ingressar no mercado de trabalho com mais facilidade.

Já pensou encarar uma entrevista de emprego com duas formações? Tem noção do quanto isso o coloca na frente da concorrência? É sucesso na certa! Além disso, a combinação entre os cursos permite a integração de conteúdos e práticas, auxiliando na manutenção da profissão e na qualidade dos serviços prestados.

CTA-BannerFinal

3. Escolha uma instituição reconhecida

Ter dois diplomas em um currículo não é uma forma de enfeitá-lo, mas de promover a sua capacidade profissional. Portanto, escolher uma instituição reconhecida é fundamental para que a segunda graduação realmente tenha o peso desejado na sua formação.

Professores experientes e renomados, bons laboratórios, espaços para aplicar o conhecimento na prática e a segurança de estar estudando em um local habilitado pelo Ministério da Educação (MEC) são algumas das certezas que você tem ao escolher por um centro universitário de qualidade.

Além disso, no caso de uma graduação complementar, você pode estabelecer uma boa rede de contatos com seus professores e até mesmo trabalhar com eles durante o período da faculdade. Já pensou que máximo?

4. Esteja ciente dos desafios do curso e da profissão

Depois de escolher o curso e a instituição, nada de desistir na primeira dificuldade, combinado? Toda graduação tem seus altos e baixos, ônus e bônus, defeitos e qualidades, matérias complicadas e legais. Se você se decepcionar com uma disciplina, tente não jogar seus planos para o alto e insistir mais um pouco no curso.

Lembre-se de que algumas profissões podem parecer mais fáceis do que outras e ainda sim, todas apresentam alguma dificuldade. Não seria diferente na faculdade, não é mesmo?

Por isso, o ideal é que você analise os ambientes de trabalho, conheça alguns profissionais da área que pretende ingressar, se informe sobre as atividades exercidas e os caminhos percorridos na graduação para chegar até lá. Dessa forma, você não cria uma falsa expectativa e nem sairá frustrado.

5. Tenha cuidado com as opiniões sobre segunda graduação

Quando você comunicar amigos e familiares sobre a sua decisão, pode se deparar com muitas opiniões que vão tirar a sua coragem em seguir essa jornada. Mas não se esqueça de que cada pessoa tem um modo de pensar diferente das outras. Então não leve tão a sério todos os conselhos!

Se você estudou sobre o mercado de trabalho, os desafios da profissão e entrou em contato com profissionais da área, significa que tem informações o suficiente para colocar na balança junto com a opinião alheia. Esteja aberto a ouvir o que essas pessoas têm a dizer, mas saiba considerar todos os fatores, beleza? E mais importante ainda: confie no seu taco!

Uma coisa é certa: ao optar por duas faculdades, você tem mais propriedade para atuar em diversas áreas, ampliando as oportunidades em que pode mandar bem profissionalmente — e, é claro, aumentam as chances de se destacar no mercado de trabalho. Além de poder atuar em diferentes áreas dentro de uma mesma empresa, tem mais possibilidade de alcançar cargos de liderança e diminui dos riscos de ficar desempregado!

No geral, toda carreira deve ser construída por meio de um planejamento. Não seria diferente no caso de uma segunda graduação! Ter consciência de cada passo que deve ser dado em direção a um objetivo e correr atrás do que é necessário para isso são práticas que auxiliam na hora de fazer boas escolhas.

Deseja o contato de um profissional que pode ajudar nessa missão de seguir com sua carreira? Fale conosco!

COMPARTILHE:
POSTS RELACIONADOS

    Nova call to action

    Call to action | eBook |  Saiba que curso na área de Humanas deve ser a sua escolha de graduação

    Nova call to action

    Nova call to action

    Nova call to action

    Teste de Orientação Profissional - Foca na Carreira

    Guia-do-profissional-de-agronomia

    [E-BOOK] Como escolher uma profissão? DOWNLOAD GRÁTIS

    Nova call to action